Brasilia, Brasil

Brasília é a capital da República Federativa do Brasil e a sede do governo do distrito federal, a quarta mais populosa cidade do Brasil. Sua construção data da década de 1960 e foi realizada através do projeto para criar uma nova capital para o interior, para distribuir melhor a riqueza e a população, concentrada principalmente nas costas e para acabar com a rivalidade entre Rio de Janeiro e São Paulo. Tornou-se uma das capitais mais recentemente construídas no mundo, mas também uma das cidades construídas mais rapidamente (2000 dias), sob a direção do visionário Presidente Juscelino Kubitschek, o arquiteto Oscar Niemeyer, o urbanista Lúcio Costa e o arquiteto Roberto Burle Marx. Vista do céu, seu design lembra a forma de uma aeronave (ou um beija-flor), com cada uma das suas maravilhas arquitectónicas estrategicamente dispostas e seus blocos residenciais e comerciais. As administrações e as agências governamentais importantes deixam o Rio de Janeiro para resolver na nova capital. O movimento não foi fácil, porque alguns funcionários nao aceitavam a sua mutação. Brasil ainda tinha ameaçado alguns Estados com uma ruptura das relações diplomáticas, se não mudaram suas embaixadas. O plano ideal era 500.000 pessoas, mas hoje existem mais de 2,5 milhões de habitantes. Eles também construíram cidades satélite habitadas pela maioria da população. A cidade é cercada pelo Lago Paranoá, água arartificial, que vem junto com Brasília. Obra-prima da arquitetura moderna, Brasília foi declarada Património Mundial pela UNESCO. As áreas residenciais são funcionais e autoportante com centros comerciais, escolas e parques nas proximidades. Para ver: a Catedral, o Congresso Nacional, a Praça dos três poderes, o Memorial JF, o santuário Dom Bosco, entre outros.

Dicas

A cidade se pode visitar de carro ou de ônibus porque é grande. Você deve assegurarse e reservar o seu hotel, porque a metade dos lugares são ocupados por pessoas que trabalham no governo ou ter de fazer com ele.

Uma das atrações mais populares é o Lago Paranoá e as suas actividades: surf, kitesurf, caiaque, etc. Você também pode nadar durante dias quentes e secos.

Outra opção para refrigerarse é visitar o parque nacional com duas piscinas e muito espaço verde (30 km) a pé e apreciar a vegetação típica da região com belas flores para ver e ouvir os pássaros; o parque é lar de um número de espécies ameaçadas, incluindo veados, tamanduás, o tatu-canastra e lobos-guará; bom lugar para relaxar. Você pode ir de ônibus.

Se você visitar o santuário de Don Bosco, você também pode tirar proveito das pequenas praias sobre o lago ou fazer um piquenique nas áreas verdes próximas.

Se você quer ter uma bela vista da cidade, visite a torre de TV, que tem um terraço de observação a 75 metros.

Os arredores da capital são também a explorar e se ficar vários dias, você pode visitar a cachoeira de Itiquira (cerca de 100 km), 168 metros de altura, é a segunda maior no Brasil. Os sites são protegidos de desenvolvimento e oferecem a beleza natural.

 

Capioví, Misiones, Argentina

Capioví é um município da província de Misiones, Argentina. A história da aldeia remonta a 1919, quando os primeiros colonos alemães e suíços se estabeleceram lá através da construção de uma serraria e um moinho que ainda existe. Isso foi possível porque há uma cachoeira conhecida como o Salto Capioví no riacho do mesmo nome, que forma uma piscina natural que vai até 4 metros de profundidade em sua queda. No município, encontramos a cidade de San Gotardo. Há também um famoso observatório astronômico. Mas um dos mais belos momentos do ano para visitar a aldeia é na época do Natal e Ano Novo, porque são instaladas decorações feitas através da reciclagem de garrafas de plástico em todos os lugares. A verdadeira arte da reciclagem !!!

Dicas

Se você visitar a cidade pode desfrutar do agroturismo.

Este é um ótimo lugar para caminhar muito em um ambiente natural.

Cartagena das Índias, Bolívar,Colômbia

Cartagena das Índias é uma cidade portuária e a capital do departamento de Bolívar, na Colômbia. Está localizada na costa norte do país, à beira do Mar do Caribe, a cerca de 120 km de Barranquilla. Tem sido muito importante para o Império espanhol por quase três séculos; também era um centro para o comércio de escravos, bem como o trânsito de ouro de saque destinado a Espanha. A cidade e a sua fortaleza são classificadas como Património Mundial pela UNESCO. Existem várias fortificações como a fortaleza de San Felipe de Barajas e seus doze quilômetros de muralhas. O centro histórico está dentro das muralhas. Tem um clima tropical semi-árido. Para ver: o Bastião de São José, o Forte de San Fernando de Bocachica, a Igreja de Santo Domingo, a Catedral de Santa Catarina de Alexandria, o Museu do Ouro, a Igreja de São Pedro Claver e o santuário com as relíquias do santo. É uma cidade muito turística e também recebe muitas pessoas graças aos navios de cruzeiro. A maioria dos hotéis, restaurantes e lojas estão localizados na área de Bocagrande.

Dicas

Evite viajar em maio-junho ou outubro-novembro, pois a chuva estará presente.

Deixe-se seduzir pela antiga cidade colonial, você encontrará muitas varandas coloridas e floridas, monumentos, até igrejas e pequenos restaurantes muito agradáveis.

Para uma noite animada, vá para a Praça de Santo Domingo, o lugar perfeito para tomar uma bebida e misturar-se com os moradores da cidade. Você também encontrará uma famosa estátua de Botero, a Gorda Gertrudis.

Se você gosta da praia, pergunte para visitar ilhas próximas, por terra ou com pequenos barcos de excursão.